Conhecida por ser a capital da moda e elegância, Milão foi eleita em 2008, a um título nada nobre, de cidade mais poluída da Europa.

Pois é, e passados quase dez anos desse título a situação só piorou. A novidade é que desde o ano passado, a prefeitura milanesa passou a incentivar seus moradores a adotarem a bicicleta como transporte. Por conta disso, Milão resolveu pagar para as pessoas irem trabalhar de bike como um método de incentivo para reduzir esse impacto ambiental (sem contar o trânsito, a mobilidade e o bem-estar).

Entre os incentivos estão o abatimento fiscal, ajuda de custo para comprar um bicicleta e bônus por quilômetro pedalado. Como em várias capitais do mundo, aliás, há em Milão um programa de aluguel público de bicicletas que vem dando certo e aumentando o número de viagens de bike.

Sim, chegou a hora da magrelinha! Cada vez mais cidades estão se rendendo aos benefícios do uso da bike!

RFA