Ônibus elétricos ligados a outros modais como metrô, trem e transporte marítimo ou automóveis elétricos compartilhados. Esses já são os transportes do presente e serão mais ainda os do futuro nas grandes cidades. Essa é a tendência do mercado, segundo Gualter Crisóstomo, diretor de Sustentabilidade Organizacional do Centro de Engenharia e Inovação das Indústrias da Mobilidade (CEIIA), de Portugal, que é uma instituição público-privada e tem entre seus sócios a BMW e a Embraer.

Ele foi um dos palestrantes do Seminário Energia + Limpa, realizado semana passada, dias 7 e 8, na sede da Fiesc, pelo Instituto de Energias Alternativas da América Latina (Ideal). Conforme o engenheiro Mauro Passos, fundador e presidente do Ideal, a maioria dos participantes desta 8ª edição do seminário eram empreendedores procurando saber mais sobre o setor de energia limpa porque vislumbra grande potencial de negócios.

O ônibus elétrico de Florianópolis, um projeto em parceria entre a UFSC, Marcopolo, WEG e o Instituto Ideal foi exposto no evento (foto). Segundo Passos, esse modelo de veículo é uma alternativa ao transporte público, mas o custo precisa ser reduzido. Sobre a geração de energia solar, o analista da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), Marco Moratto, apresentou a opção de cooperativas para usinas solares. O primeiro projeto foi no Pará.


Geração mais barata

A demanda por sistemas de energia solar cresceu mais de 100% nos últimos dois anos no Brasil e o número de empresas para instalar esses sistemas também. Essas foram algumas das conclusões de pesquisa sobre o setor feita pelo Instituto Ideal, em parceria com a agência alemã AHD. Segundo Philipp Hahn, diretor executivo da agência alemã no país, há uma queda rápida no custo de instalação de usinas solares. Observou que no último ano, uma unidade que saia RS 8,5 mil caiu para R$ 7,5 mil. A duração é de 20 a 25 anos.

ABII em Berlim
A Associação Brasileira de Internet Industrial (ABII), que tem sede em Joinville, será apresentada em Berlim, na Alemanha, durante o  Encontro Trimestral do Industrial Internet Consortium (IIC). Quem fará a palestra será o presidente da ABII, José Rizzo Hahn. Segundo ele, essa presença será um momento importante para a troca de experiências e fortalece o posicionamento do Brasil no segmento. O secretário executivo da ABII, Alexandre D’Angelo, também estará no evento.

 

 

Notícia retirada do D.C.